Você sabe como surgiu o horóscopo?

O horóscopo é algo extremamente antigo. Seus primeiros registros foram feitos a partir do século 7 a.C. Na época, várias civilizações antigas se dedicavam a observação do céu, pois eles acreditavam que os astros podiam influenciar na vida humana, principalmente no destino de recém nascidos. Para falar de horóscopo, precisamos falar sobre o surgimento do zodíaco, que teve seu primeiro registro em 5 a.C. A palavra é de origem grega e significa “círculo de animais”, o que indica o grande cinturão celeste que marcava a trajetória do Sol naquela época. Cada constelação por onde o astro passava, simbolizava um signo. 

 

Os signos que conhecemos hoje foram padronizados ainda na antiguidade, a partir da influência de imagens da mitologia de babilônios, egípcios, gregos e romanos. Ao definir uma influência fixa, o zodíaco ajudou no surgimento dos horóscopos individuais com mapas astral. Mapa astral é uma analise do céu, feita a partir do horário de nascimento. Ele, supostamente, revela informações a respeito do destino e personalidade de uma pessoa. 

 

No início da Era Cristã, foram definidos o perfil de cada signo, levando em conta peculiaridades e até mesmo, estações do ano. Para que chegássemos ao resultado que temos hoje, foi observado o temperamento em comum de pessoas nascidas no mesmo período, modificando as características de acordo com as descobertas. 

 

 Ao longo dos séculos, houve uma mudança na trajetória solar, o que corresponde diretamente na astrologia e astronomia. Hoje em dia, o Sol passa por constelações que não fazem parte do zodíaco e ilumina outras em períodos diferentes dos observados antigamente. Em alguns aspectos, o horóscopo se adaptou às mudanças ao longo dos tempos, como com a descoberta dos planetas Urano, Netuno e Plutão que trouxeram novas interpretações astrológicas do céu. 

Conheça a história por trás de cada signo 

 

ÁRIES 

Na mitologia grega, FRIXO, era filho do rei Atamas. Ele seria assassinado pela madrasta, porém foi salvo por um carneiro com lã de ouro, enviado pela sua mãe. O carneiro foi sacrificado e sua lã foi enterrada no pomar de Ares, o que deu o nome ao signo. 

 

TOURO

Há 4 mil anos, esse era o primeiro signo do zodíaco. Ele coincidia com a primavera, marcando o inicio do ano. A imagem do touro vem de um mito grego em que Zeus teria assumido a forma do animal para atrair uma princesa. 

 

GÊMEOS 

Dois irmãos, Castor e Pólux, se apaixonaram por duas meninas que estavam comprometidas. A fim de conseguir sua atenção, eles desafiaram seus rivais. Castor morreu em combate e Pólux pediu para que Zeus o matasse também. Em memória a imagem dos filhos, seu pai colocou a imagem dele no céu.

CÂNCER 

A palavra cncer quer dizer caranguejo em latim. Esse animal aparece em um dos 12 trabalhos de Hércules. Enviado por Hera, esposa de Zeus, o caranguejo foi morto pelo herói porém sua coragem lhe rendeu uma homenagem nos céus por toda eternidade. 

 

LEÃO 

Essa foi mais uma criatura morte por Hércules. O herói não só estrangulou o animal como fez um manto com sua pele. Em homenagem ao grande feito, Zeus desenhou com estrelas a forma do animal no céu. 

 

VIRGEM 

Para os Romanos, a constelação representava Virgo, a deusa da Justiça. Virgo estava doente por conta da mania de guerra dos homens, sendo a último ser celestial a subir para a morada dos deuses. Minerva, deusa da sabedoria, teria colocado sua imagem no céu, em homenagem a sua bravura. 

 

LIBRA 

Identificada pelos romanos, a balança de libra significa a balança que era usada por Virgo para medir a alma dos homens em seu caminho para o mundo subterrâneo ou para o céu, o que determinava prazer ou dor eterna. 

 

ESCORPIÃO 

A constelação de Escorpião aparece no episódio da morte de Órion. Apoi, deus gregos das profecias, ficou com ciúmes das amizade de sua irmã Ártemis com o gigante e enviou um escorpião para mordê-lo. Zeus colocou a imagem do bicho, junto com a estrela de Órion em homenagem a história. 

 

SAGITÁRIO 

Na mitologia grega, Chiron era o mais sábio dos centauros. Ele foi atingido acidentalmente por uma flecha de Hércules e por isso, foi homenageado por Zeus com uma constelação. 

 

 CAPRICÓRNIO 

Nas lendas gregas, a cabra que simboliza o signo, possui um rabo de peixe. Ela é uma representação de Pan, deus da Natureza. Para fugir de Tifon, ele jogou-se na água e morreu, pois ao tentar se transformar em peixe, ele estava com metade do seu corpo fora da água. 

 

AQUÁRIO 

É um dos signos aquáticos, ao lado de Capricórnio e Peixes. No Oriente Médio, o mês de aquário seria o período mais chuvoso, o que deu origem ao símbolo do signo.  

 

PEIXES 

Na lenda grega, Afrodite, deusa do amor, e seu filho Eros, teriam se transformado em peixes para escapar de Tífon, que não suportava água. Atena criou sua constelação para lembrar da fuga. 

 

E você? Acredita em signos? Gostou da história apresentada para o seu? Conta para gente!! 

Seja um
revendedor

Já somos conhecidos em todos os rincões do Paraná com diferenciais como qualidade, preço e variedade e cada dia mais no coração das pessoas.

Venha você também fazer parte da nossa história! Cini, a bebida que traz alegria para as famílias!

Saiba mais

Newsletter

Cadastre-se e fique por dentro de todo conteúdo que a Cini preparou para você!

×